Follow by Email

08/03/2010

SITE OFICIAL DO ESPACO NANDHALA

http://espaconandhalawiccan.webnode.com.br/




Mãe nossa que estais no céu, na terra e em toda parte,



bendita seja tua beleza e que a tua abundância encha de frutos a árvore da minha vida,



torna-me forte e solidária na dor, bela e desprendida no amor.



Grande Mãe, senhora da vida e da morte,



ajuda-me para que não mais me entregue à aflição, à tristeza e à ansiedade,



nem permita que os desgostos me atormentem ou as coisas desagradáveis da vida me inquietem, afastando cada sombra da minha vida, iluminando todas as minhas estações...



Que eu saiba respeitar os caminhos de todos os seres.



Que o propósito maior guie meus passos



e que a batida do meu coração possa se unir ao toque do coração da terra



e assim possamos pulsar em um só ritmo.



Que as estrelas me guiem nas noites escuras e o sol brilhe intensamente em meu corpo.



Que a Grande Deusa que habita dentro de mim seja meu refúgio,



refresque e alegre meu espírito,



santifique cada palavra e cada ato meu, purifique meu coração,



iluminando minha consciência e meus poderes.



Que me dê o perdão, se por acaso eu falhar



e me torne capaz de perdoar os que falharem comigo e a mim mesma.



Que eu dance nua, sem medo ou vergonha de enfrentar meu próprio reflexo.



Que o teu nome e o teu poder sejam o meu nome e o meu poder,



mas ajuda-me a ser humilde...



a fim de que meu coração se torne pleno de teu amor.



Que eu possa conservar a fé, sempre, e que jamais encontre desculpas para o oportunismo!



Que eu saiba enxergar e retribuir cada gesto de amor



que encontrar nas pessoas da casa, parentes e amigos.



Que a comida servida na mesa de minha família, seja conquistada pelo meu trabalho.



E que eu possa sempre acolher em nossa mesa,



aqueles que querem partilhar conosco o alimento sagrado.



Que a minha porta se abra àqueles que habitam fora da riqueza,



da fama e do privilégio, mas que os que não andam descalços,



também encontrem o caminho que chega a minha casa.



Mãe, abençoe meu sexo, tão delicado e sensível ao toque mais suave



e ainda assim entretanto, forte o suficiente para aguentar o milagre da gestação e do parto...



meu útero, tão fértil, tão parecido com minha Deusa,



os meus seios que nutrem minhas crianças e me fazem sentir a plenitude de ser mulher..



Eu sou uma Bruxa.



E o poder da Grande Mãe, que ilumina e protege, está dentro de mim.



Assim sempre foi, assim sempre será,



e que o círculo nunca se rompa.